Revista A Ana Maria Braga
Clique e assine a Revista A
Vida PrŠtica

A vilã dos candidatos

Dinâmica de grupo é a fase mais difícil do processo seletivo

Viviane Sato
Foto: Shutterstock
Segundo pesquisa realizada pela Page Talent, divisão da Page Personnel dedicada ao recrutamento de estagiários e trainees, 40% dos candidatos em busca de uma oportunidade de ingresso no mercado de trabalho consideram que a dinâmica de grupo é a etapa mais difícil do processo. A pesquisa foi realizada no final de novembro de 2011, em âmbito nacional, e contou com a participação de 500 pessoas.

As dinâmicas de grupo normalmente seguem um roteiro de funcionamento iniciando com uma apresentação da empresa contratante; a resolução de um case ou tarefa (simulação de uma situação real na empresa); apresentação pessoal de cada um dos participantes (em público); e um feedback final sobre a participação de todos.

O case ou as atividades normalmente são vistos como os vilões da dinâmica de grupo. “Os candidatos têm a tendência de procurar uma resposta correta para a solução dos cases, esquecendo-se de que precisam buscar justificativas para as várias respostas possíveis. Isso é que faz diferença. Na participação em uma dinâmica de grupo, não existe certo ou errado e, ao contrário do que muitos pensam, o desempenho dos candidatos não está sendo comparado” afirma Danilo Castro, diretor da Page Talent no Brasil.


Outro fator importante que dificulta o processo, segundo a gerente, é a falta de experiência dos candidatos “Como normalmente os candidatos a estágio nunca participaram de um processo, quando se deparam com a etapa de dinâmica de grupo, se sentem inseguros a respeito do que devem ou não fazer”, explica o especialista.
Conheça outras edições do Grupo Estilo
Loja da Ana
© 2012 Site Revista A - Ana Maria Braga • Duetto Editorial • Todos os direitos o reservados.
Site desenvolvido por Departamento Multimídia • Duetto Editorial.