Revista A Ana Maria Braga
Clique e assine a Revista A
Beleza

Base perfeita

Nem batom, nem lápis de olho. O produto que garante o sucesso da maquiagem perfeita é a base. E nós ensinamos tudo sobre ela

Carén Nakashima e Carol Salles
Foto: Fábio Mangabeira
TOP 10: Pure Makeup, MAYBELLINE; Matchmaster Foundation FPS15, M.A.C; Base Líquida Iluminada, QUEM DISSE, BERENICE?; Natural Lifting, DERMAGE; Teint Compact Haute Tenue, CLARINS; Pore Refining Solutions, CLINIQUE; Base Mineral Original, BAREMINERALS; Skin Perfection, EUDORA; Advanced Hydro-Liquid Compact, SHISEIDO; PhotoReady Makeup, REVLON.
Você tem medo de usar base no rosto? Por anos, esse foi um item de maquiagem que só fazia parte do arsenal dos profissionais. Isso porque o produto costumava deixar a pele “pesada”, artificial e só sendo expert para não errar a mão. Pois pode acreditar: hoje, tudo é diferente e ela virou item de primeira necessidade nos nécessaires antenados. “Uma base bem aplicada garante 50% de sucesso em um make”, comenta a maquiadora Rafaella Crepaldi, da Nars.

O que mudou? Primeiro, a moda, que pede uma pele perfeita, lisinha, mas com cara de “nasci assim”, ou seja, bem natural. Segundo, os próprios fabricantes, que investiram muito em tecnologia e hoje conseguem oferecer produtos superleves, que praticamente desaparecem na pele – mesmo a mais inexperiente das mulheres consegue usar sem ficar fake. Além disso, existem muitos truques superfáceis que garantem o visual que está em alta, sem esforço nenhum. Pronta?

A base da vez

Ela é bem fluida e garante pele lisinha, com aparência natural. Para conseguir um visual de passarela, comece procurando por uma base translúcida e livre de óleo (oil free). “Elas dão boa cobertura, mas mantêm aquela aparência de que você não usou nada de make. E, por serem livres de óleo, ficam sequinhas na pele e dispensam o uso de pó para acabamento”, explica o maquiador Kiko de Lima, de São Paulo (SP).

Uma base pode vir nas mais diversas apresentações. Como escolher? Leve em conta o seu tipo de pele e o acabamento que deseja. Para quem tem pele oleosa ou mista, por exemplo, e não quer deixar o rosto brilhando, as pedidas são as líquidas, oil free, ou as matificantes (que eliminam o brilho). As cremosas e em mousse são perfeitas para quem tem pele seca. Já as em spray são superlevinhas, deixam um efeito segunda pele lindo, mas, em compensação, são mais difíceis de aplicar. Use se já conseguir se maquiar com destreza.

As bases modernas agregam mais vantagens do que apenas uniformizar o tom de pele. Elas trazem ativos com efeitos diversos, como barrar o envelhecimento, hidratar, proteger do sol e até secar espinhas. “Elas podem e devem ser usadas todos os dias”, ensina Rafaella Crepaldi. As regras para compra são as mesmas de uma base comum: escolha uma que se adapte à sua cor de pele e que se enquadre em suas necessidades.

A versão mineral se tornou popular no Brasil em 2009 – todo mundo falou, todo mundo experimentou. Hoje, o hype já não é tão grande, mas ela continua com suas fãs fiéis, que apontam a pureza dos seus componentes e a facilidade de aplicação como principais pontos a favor. Sempre em pó, ela deve ser pincelada sobre o rosto com um pincel de blush, pó ou um kabuki. “É indicada para peles jovens, pois pode marcar vincos e rugas de expressão nas mais maduras”, explica a maquiadora Penelope Beolchi, do Opa Hair,em São Paulo(SP). Outra vantagem é que, por ser em pó e não possuir componentes como óleos ou hidratantes, é perfeita para peles oleosas ou mistas. “Nas secas, a base mineral não adere tão bem. Mas isso pode ser corrigido com o uso de um primer antes do pó”, ensina a maquiadora.

Siga os passos para uma aplicação profissional

1. A pele deve estar limpa e hidratada. Coloque um pingo de base no dorso da mão e, com um pincel fino, aplique sobre espinhas e regiões avermelhadas ou escurecidas, como queixo, embaixo dos olhos, nas curvinhas ao lado das narinas e nas extremidades da boca. Espalhe bem.

2. Com o dedo, um pincel ou uma esponja, coloque um pouco de base no nariz, na testa e nas bochechas. Vá espalhando do centro para as extremidades, até incorporar à pele. Se for preciso, aplique corretivo com um pincel em áreas que ainda precisam de cobertura.

3. A pele ficou brilhando? Com um pincel largo ou do tipo vassourinha, aplique uma camada superfina de pó translúcido apenas na zona T. Finalize com blush.

Truques para escolher a tonalidade que combina com você

Separe duas ou três opções que, olhando, você acha as mais adequadas. Teste-as abaixo das maçãs, na altura do maxilar. Compare a cor da base com o tom do seu colo. “Como essa é uma região geralmente mais bronzeada do que o rosto, a base deve harmonizar-se com ela, para não ficar fake”, explica o maquiador Rosman Braz, do salão 1838,em São Paulo(SP). Se for possível, examine as bases na luz natural, e só então bata o martelo. “Se não der, tudo bem: as lojas de make já fazem uma iluminação balanceando os amarelos e brancos das luzes artificiais, para conseguir um visual fiel”, diz Rafaella Crepaldi.

Dicas para a sua base preferida durar mais

1. Guarde-a em um local fresco e seco, jamais no banheiro – o calor e a umidade danificam o produto.

2. Feche bem a embalagem. Parece óbvio, mas muita gente não faz isso! O ar que entra pela tampa semiaberta estraga a base.

3. Não coloque o dedo dentro do frasco e evite contato da sua mão ou do pincel com o produto que ainda não foi usado. Quando for se maquiar, separe uma pequena quantidade em um outro recipiente.

4. Nunca deixe a base no carro. O calor é fatal.

5. Quando bem armazenadas, as bases duram cerca de três anos. Se notar que mudou de textura ou cor, ou está com um cheiro estranho, é hora de descartar.

Ferramentas do ofício

PINCEL CHATO: fácil de usar, é a pedida para quem não é expert mas quer uma cobertura bem-feita. Além disso, ele é ideal para acertar alguns detalhes, como cobrir a vermelhidão em torno da narina.

PINCEL DE FIBRA ÓTICA: o preferido dos profissionais. “Ele dá acabamento leve e polido”, explica a maquiadora Penélope Beolchi, de São Paulo (SP).

PINCEL KABUKI: “gordinho”, mas não tão fofo quanto um pincel de blush, é indicado para base mineral, que é em pó.

ESPONJA: perfeita para espalhar, mas como “rouba” um pouco do produto, fica mais difícil acertar na dose. Use para dar acabamento depois de aplicar a base com pincel.

DEDOS: sim, esse é o jeito mais simples de aplicar base. “Na Nars, não usamos pincéis, apenas os dedos. Acreditamos ser o jeito mais eficiente de trabalhar para, por exemplo, cobrir os poros ou amenizar linhas de expressão. O resultado é mais natural”, diz a maquiadora Rafaella.

DÚVIDAS?

P.: Sou ruiva e tenho sardas. Devo escondê-las com make? Como aplicar a base?

R.: Não! “As ruivas chamam muita atenção justamente pela beleza das pintinhas”, diz Pablo Weber. Siga a dica do expert: “Aplique uma camada fininha de base com um pincel de blush macio, para espalhar bem sem fi car manchado. Logo em seguida, pincele uma camada de pó translúcido por cima da base ainda molhada.”

P.: Fiquei superbronzeada no verão. Preciso trocar de base?

R.: Sim, você deve procurar uma que se adapte ao seu novo tom. Quem ficou apenas levemente bronzeada, pode seguir a dica de Pablo: “Misture cinco gotas da sua base do dia a dia com um pouco de pó bronze quebradinho na mão antes de aplicar. O resultado é maravilhoso e sutil, ninguém vai descobrir o que é aquele glow ou como foi feito”.

P.: Meu rosto é muito redondo, tem como corrigir com a base?

R.: Use, além da sua base normal, outra um pouco mais escura. “Um corretivo em creme, mais denso que a base, faz o mesmo efeito”, diz Rafaella Crepaldi. Esse tom mais escuro deve ser aplicado logo abaixo da maçã do rosto, em direção à raiz do cabelo. Para finalizar, esfume com um pincel largo, fazendo desaparecer a diferença entre os tons.

TOP 10 

Uma seleção especial de bases que valem o investimento

1. Pure Makeup, MAYBELLINE, R$ 30. Com ácido salicílico, ideal para peles oleosas.

2. Matchmaster Foundation FPS15, M.A.C, R$153. Amarca queridinha dos experts, oferece cobertura perfeita.

3. Base Líquida Iluminada, QUEM DISSE, BERENICE?, R$ 40. Hidrata e dá à pele uma aparência radiante.

4. Natural Lifting, DERMAGE, R$ 98. Em spray, é ultrafina e tem acabamento HD.

5 Teint Compact Haute Tenue, CLARINS, R$ 208. Protege a pele contra a poluição.

6 Pore Refining Solutions, CLINIQUE, R$ 120. Com difusores óticos, minimiza a aparência dos poros dilatados.

7 Base Mineral Original, BAREMINERALS, R$ 115. Elimina o brilho, sem pesar.

8 Skin Perfection, EUDORA, R$ 49. Oferece acabamento mate e cobertura total.

9 Advanced Hydro-Liquid Compact, SHISEIDO, R$ 179. Transforma-se em líquida quando aplicada e hidrata.

10 PhotoReady Makeup, REVLON, R$ 65. Para sair linda na foto ou no vídeo HD.

EXPERIMENTE:

1. Hello Flawless, BENEFIT, R$ 149. Ajuda a melhorar a respiração celular.

2. Una Base Fluida FPS 15 Efeito Natural, NATURA, R$ 40. Qualidade de base importada por preço em conta.

3. High Definition, NYX, R$ 89. Com difusores óticos que refl etem a luz e disfarçam pequenas imperfeições sem escondê-las.

4. Sheer Glow Foundation, NARS, R$ 180. Fica transparente na pele, mas proporciona um brilho suave e acetinado.

5. Segunda Pele, CONTÉM 1 G, R$ 75. Fininha e fácil de aplicar, pois espalha superbem.

6. Ultra Fluid Foundation, KRYOLAN, R$ 145. Para um efeito profissional.

*PREÇOS CONSULTADOS EM MARÇO DE 2013.

 
Conheça outras edições do Grupo Estilo
Loja da Ana
© 2012 Site Revista A - Ana Maria Braga • Duetto Editorial • Todos os direitos o reservados.
Site desenvolvido por Departamento Multimídia • Duetto Editorial.